Mariana Guimarães

De nuvem
Revisão de 22h54min de 24 de fevereiro de 2015 por Cc+ (Discussão | contribs)

Ir para: navegação, pesquisa
DESVELAR 

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


                                   DESVELAR :  vtd . Tornar visível o que tornou-se escondido. Tirar o véu.  Reconhecer. Tornar claro. Fazer-se conhecer.


           Afinal o que vem antes, o vínculo ou o afeto? Há algo que preceda o afeto? ou o afeto é uma forma de vínculo? De afetar -se ao outro, afetar-se ao vínculo.vincular-se ao afeto. 



Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino


                                          RESIDÊNCIA : s.f. Morada habitual em determinado lugar: a residência nem sempre coincide com o domicílio legal.
                                           Permanência obrigatória no lugar em que se exerce uma função. Casa de habitação; domicílio; lar; morada.


Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino

_____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________



Habitar os espaços da casa Nuvem e desvelar o corpo que habito, ocupando e apropriando se do prazer de permanecer nos espaços sagrados do feminino , no exercício da presença e na imanência do corpo erótico que vibra e pulsa, acolhe e nutre o ser. Transcende.

Habitar a casa Nuvem e parar para sentir, para ver e re ver sensações, experiências vividas. Despir me e despedir me.

Pausa para a reflexão e aprofundamento de conceitos e ideias trabalhadas no Livro Erótico do Bordado. Bordado trabalhoso e ambíguo.



Bordar é um ato erótico. É também violento, perfura pano, espeta dedo, desperta a alma. A agulha perfura, penetra e esgarça. Perfura a trama, Sutura pele, costura pano. Aproxima bordas. Pano não sangra. A agulha penetra o tecido, e é penetrada pela linha. Imprime um ritmo, como uma cópula, em um movimento de dentro e fora, dentro e fora. A agulha desliza e adentra no tecido, esgarça a trama. Lambe a linha e enfia na agulha, que penetra e é penetrada. A linha impregna-se de tecido, adentra-se em suas tramas. Entranha-se.

(trecho extraído do livro erótico do bordado, em produção pela artista)


Na brecha do erótico e sagrado, caminho para o segundo volume o livro das ambiguidades, norteado pela dualidade da liberdade e da moral. Na brecha, respiro o ar puro da montanha e com a cabeça nas Nuvens debruço me e adentro me na investigação dos prazeres negados à mulher por um sistema patriarcal, que cultua o falo e cala a vulva.

Na brecha, invisto na investigação e como um retornar, ouso resgatar o feminino erótico sagrado adormecido pelo fuso que espetou o dedo de muitas mulheres,ou seria a alma?


A agulha fala a falta do falo que não tem.

Afetar se bordar se lavar se e por fim estender se.

Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino


“ Por afeto compreendo as afecções do corpo, pelas quais sua potência de agir é aumentada ou diminuída” – Ética III,Espinoza.


Desvelar teve como objetivo fazer o reconhecimento, tornando claro e visível aos olhos o mecanismo bio químico do afeto, bem estar e prazer produzido no corpo humano. É um desdobramento e aprofundamento de uma investigação que a artista desenvolve há alguns anos sobre a experiência do afeto e dos vínculos.

Compreendendo , a partir de Espinoza, o corpo como uma força de existir, uma Potência em ato e a existência como fruto do exercício da nossa Potência.

Desvelando essa potência e o afeto que nos afeta a partir dos encontros que tecemos e tramamos a intensidade de nossa essência. Afetos positivos ou negativos que aumentam ou diminuem nossa potência de agir.

Reconhecendo dentro do corpo a química que produz o afeto , debruçando me sobre o estudo e investigação de nosso sistema nervoso e endócrino, e do hormônio responsável pela produção de vínculos e afetos em seres humanos e de neuro transmissores envolvidos no controle do bem estar, prazer, alegria.



Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino




AFETAR SE

A serotonina me subjuga.a dopamina me enlouquece e o períneo me salva.


' Uma vagina saudável e sexualmente bem cuidada regularmente provoca uma forte ativação de DOPAMINA no sistema de recompensa feminino, assim com as ondas de OCITOCINA que motivam a conexão e os opiáceos que causa a sensação de alegria. Portanto, a vagina proporciona às mulheres, as sensações que as levam a criar,explorar, se comunicar, conquistar e transcender. E já que as mulheres, potencial e teoricamente, podem ter mais orgasmos que os homens e podem, teoricamente liberar mais OCITOCINA quando fazem amor, elas também acabam sentindo mais coisas:mais amor, mais apego e mais afeto."


A DOPAMINA é a principal substância química feminina. Se uma mulher está com ótimos níveis de DOPAMINA, é difícil joga-la contra si mesma.É difícil conduzi-la a autodestruição, manipula-la e controla-la."

( In: Vagina uma biografia. WOLF, Naomi. Editora:Geração.) _____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


OCITOCINA - ( C43H66N12O12S2)

“ é um hormônio produzido pelo hipotálamo e armazenado(a) na Neuro-hipófise posterior (Neurohipófise) ,que tem a função de promover as contrações musculares uterinas e reduzir o sangramento durante oparto, para estimular a liberação do leite materno, para desenvolver apego e empatia entre pessoas, para produzir parte do prazer do orgasmo, mas que também produz medo do desconhecido. “


SEROTONINA - (C10H12N2O)

“ A serotonina é um neurotransmissor que atua no cérebro regulando o humor, sono, apetite, ritmo cardíaco, temperatura corporal, sensibilidade a dor, movimentos e as funções intelectuais.


DOPAMINA - (C8H11NO2)

" é um neurotransmissor ,produzido especialmente pela substância nigra e na área tegmental ventral (ATV). Está envolvida no controle de movimentos, aprendizado, humor, emoções, cognição, sono e memória."


Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino
Erro ao criar miniatura: Não foi possível salvar a miniatura no destino


Residência de Verão realizada no período de 29 de janeiro a 1° de fevereiro de 2015. Gratidão pela escuta, pela presença e afeto. Gratidão pelos Vínculos. Vida longa a Nuvem!

Mariana Guimarães 
[http://www.marianaguimaraes.art.br


____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________